Melhores atrações de Barcelona

barcelona- vista-park-Guel
Barcelona no verão: colorida e divertida

Barcelona no verão é uma festa! A cidade fica lotada de gente animada por suas ruas, parques e praias. Muitos europeus escolhem Barcelona como destino de verão e se misturam aos milhares de turistas que chegam de todas as partes do mundo. Estivemos no verão em Barcelona e adoramos o clima festivo e alegre da cidade, que é repleta de atividades ao ar livre, ideais para serem curtidas entre a primavera e o verão (clique aqui para ver o relato de nossa viagem). Em cinco dias, aproveitamos o melhor que Barcelona tem a oferecer. Para facilitar a organização de sua viagem, vamos listar neste post as melhores atrações de Barcelona no verão, sugerindo como organizá-las num roteiro de cinco dias. E temos uma ótima notícia: a maior parte dos atrativos são gratuitos, já que no verão os programas mais badalados são ao ar livre.

Dividimos as atrações em turnos e levando em consideração a proximidade entre elas, mas você pode combinar os programas da forma que lhe for mais adequada ou excluir alguns, caso tenha menos dias de viagem. Siga as nossas dicas para conhecer o rico acervo cultural, histórico e natural da capital da Catalunha.

 

Melhores atrações de Barcelona – Dia 1

Praça Catalunha

barcelona-Praça-catalunha
Praça Catalunha é centro convergente da cidade

Comece o primeiro dia, conhecendo a região central de Barcelona, na Praça Catalunha, que tem uma localização estratégica, espécie de ponto convergente da cidade. Dali é possível seguir para a Avenida Las Ramblas, o Passeig de Grácia ou Bairro Gótico, dentre outros. Também pode-se comprar ingressos para espetáculos e passeios em estandes de companhias turísticas que ficam no local, inclusive para os ônibus panorâmicos que operam na cidade. Além disso, da Praça Catalunha se tem acesso a diversas ruas interessantes para compras mais acessíveis que as grifes famosas que ficam no Passeig de Grácia. Há lojas do El Corte Ingles na Praça e em suas imediações.

 

Las Ramblas

avenida-las-ramblas-barcelona
Avenida Las Ramblas é visita obrigatória para turistas

Da Praça Catalunha, siga até Las Ramblas, a extensa avenida que vai da Praça até a orla marítima. Las Ramblas é um ponto turístico incontornável. Está sempre lotada de turistas, camelôs, artistas de rua, “estátuas humanas” e transeuntes diversos. Inicie o passeio no sentido Norte/Sul, da Praça Catalunha até o mirador El Colon, que fica próximo à orla, local chamado de Ramblas do Mar. Há muitos bares e restaurantes nas Ramblas, mas muitos viajantes que  já experimentaram esses locais alertaram que a comida é cara e não muito boa (estilo pega-turista!). Nós evitamos comer por lá e recomendamos que você faça o mesmo.

Aproveite o passeio para observar os belos prédios que ficam nas laterais da Avenida. Observe, na calçada, o mosaico feito por Joan Miró.

las-ramblas-mosaico-miró
Mosaico de Miró no piso da Avenida

No final da Avenida, dê uma paradinha para fotografar e admirar o monumento em homenagem a Cristóvão Colombo, que fica na extremidade Sul das Ramblas, tendo no alto de uma coluna gigantesca a escultura do navegador apontando para o mar.

las-ramblas-mirador-el-colon
Mirador El Colon no final da Avenida Las Ramblas

Mercado de La Boqueria

Aproveite sua passagem por Las Ramblas para conhecer o Mercado de São José, mais conhecido como La Boqueria. É o mais antigo mercado municipal de Barcelona, inaugurado em 19 de março de 1840, dia de São José no calendário católico. A principal entrada do mercado fica no passeio da Avenida Las Ramblas, porém há também outra entrada pela parte posterior do mercado, já no bairro de El Raval.

Próximo às Ramblas, o Mercado é o mais antigo da cidade

O La Boqueria não é muito grande e fica sempre lotado, mas é visita obrigatória para quem curte conhecer mercados gastronômicos. O local mistura as cores e sabores de Barcelona, com suas barracas de frutas, carnes, doces, sorvetes e as mais variadas guloseimas. Uma delícia!

 

Plaza real

plaza-real-las-ramblas-barcelona
Plaza Real, um cantinho de paz, em meio ao agito de Las Ramblas

Dê uma pausa no agito de Las Rambas e vire num pequeno espaço do lado esquerdo da Avenida para ter a agradável surpresa de encontrar a Praça Real, oásis delicioso para descansar numa bancada ou apreciar a gastronomia dos muitos restaurantes locais. Como toda a Barcelona antiga, a arquitetara local também é encantadora. A praça tem entrada pelas Ramblas, mas fica no   comecinho do Bairro Gótico. Foi projetada pelo arquiteto Francesc Molina e tem dois postes de luz (os que têm um dragão) que foram feitos pelo ainda jovem Antoni Gaudí. No centro fica a imponente Fonte das Três Graças. As palmeiras e os prédios que circundam a praça dão um toque de grande beleza ao lugar. Como há muitos restaurantes e bares na região, é um bom local para ser visitado também à noite.

 

Las Ramblas do Mar

porto-barcelona
Porto de Barcelona visto do shopping Maremagnum

 

Para fechar o circuito completo das Ramblas num dia, continue caminhando do Mirador El Colón (na parte Sul da Avenida) até o porto, que é muito organizado e possui um belo visual, com uma imensidão de navios atracados. Veja a ponte móvel que fica nessa região abrir e fechar para a passagem de navios de grande porte.

Você pode finalizar o dia no Maremagnum, pequeno shopping que fica próximo ao Porto e é construído sobre o mar. O número de lojas não é grande, mas há cafés e restaurantes, além de uma bela vista para toda a área do Porto.

 

Melhores atrações de Barcelona – Dia 2

Sagrada Família

fachada-sagrada-família-barcelona
Fachada da Sagrada Família: riqueza de detalhes

Para iniciar o segundo dia, recomendamos a maior atração de Barcelona: a Basílica da Sagrada Família. Você pode observar a Basílica apenas externamente. A construção é belíssima e tão cheia de detalhes, que já valeria a visita. Mas, se puder, não perca a oportunidade para conhecer internamente  o monumental templo. Nós compramos com antecedência, no site oficial, os ingressos para a visita à Basílica da Sagrada Família. Optamos por uma visita guiada, com subida à Torre do Nascimento.

Visita à Basílica é uma das melhores atrações de Barcelona

A construção é fantástica e a possibilidade de conhecer a história da igreja que permanece em construção faz a visita ainda mais enriquecedora. O guia explica os estudos que o genial arquiteto Antonio Gaudi fez para construir o templo aproveitando a luz externa e privilegiando elementos da natureza. Tudo na construção tem uma explicação técnica, mas também alicerçada em conceitos religiosos e no respeito à natureza.

A subida à torre é feita por elevador, mas a descida se faz por uma escadinha estreita e sinuosa, não recomendada para quem tem medo de altura ou lugares fechados. Ao descer a torre, você pode ter visões variadas da cidade, pois há várias janelinhas e sacadas de onde se pode contemplar Barcelona do alto e tirar fotos.

No site da Sagrada Família você pode comprar ingressos para visita simples, guiada ou cm subida a uma das torres. Veja qual melhor se encaixa no seu gosto e bolso.

 

Parque da Cidadela

parque-da-cidadela-barcelona
Parque da Cidadela: fontes e monumentos são atrativos

Depois de contemplar toda a majestosa arquitetura da Sagrada Família, reserve a tarde para a visita ao Parque da Cidadela. Situado no centro histórico da cidade, é o mais antigo e um dos maiores de Barcelona. Sua construção data de 1888 e o estilo arquitetônico é o gótico, embora já apareçam alguns traços do modernismo em algumas obras.

Melhores atrações de Barcelona: Arco do Triunfo na entrada do Parque

O parque está numa área onde funcionou a antiga fortaleza da cidade e seu projeto foi inspirado em jardins da Inglaterra, França e Itália. O maior destaque é o pequeno lago e sua fonte monumental, especialmente o conjunto de esculturas “El carro de Aurora”. No Parque você também poderá admirar o “Castelo dos 3 dragões” (visita só externa), estufas, esculturas e os belos jardins deste pequeno tesouro guardado no centro da cidade.

 

Melhores atrações de Barcelona – Dia 3

Park Guell

park-guell-barcelona-vista-frontal
Park Guell: obra emblemática do modernista Antonio Gaudi

Barcelona é o local que mantém o acervo arquitetônico mais importante do  catalão Antonio Gaudi,  maior exponencial da arquitetura modernista.

O Park Guell é uma obra emblemática de Gaudi, sendo considerado patrimônio da humanidade pela Unesco. Visita imperdível para começar seu terceiro dia em Barcelona. Nós compramos os ingressos antecipadamente pela internet, mas a fila no local era pequena.  A única vantagem da compra antecipada é que o Parque tem número limitado de visitantes e já se garante entrar no horário marcado no ingresso.

Patrimônio da Humanidade pela Unesco, o ParK é uma das mlhores atrações de Barcelona

O Parque foi planejado por Antonio Gaudi para ser um condomínio residencial de luxo, mas o projeto não foi adiante e o que se tem são algumas construções que fariam parte do complexo, todas muito interessantes pelas formas sinuosas e incrivelmente diferentes usadas por Gaudi. Há um salão enorme com colunas altas e completamente vazio com lindos mosaicos de cerâmica no teto.

salamandra-mosaicos-park-guel
Salamandra coberta de mosaicos coloridos é disputada para fotos

Os desenhos com mosaicos de cerâmica estão por toda a parte neste complexo de cor e arte deixado pelo maior nome da arquitetura da Catalunha. Subindo as escadas que ficam logo na entrada do Parque, você encontrará a escultura da salamandra toda revestida de mosaicos. Prepare-se para disputar um lugarzinho do lado dela para um clique.

 

Passeig de Grácia

casa-mila-barcelona
Casa Mila (la Pedrera) tem projeto de Gaudi

Na parte da tarde, continue admirando os belos exemplares da arquitetura modernista, que é ma das melhores atrações de Barcelona. Siga para o Passeig de Grácia.


Anote

Em Barcelona há o bairro de Gracia, que é residencial e pouco turístico enquanto o Passeig de Grácia é uma avenida predominantemente comercial onde estão localizados edifícios em estilo modernista e vive cheia de turistas, sendo uma das melhores atrações de Barcelona!


Casa Batló, de Gaudi, e a construção de Lléo Moreira: exemplares do modernismo

As lojas de grife se concentram neste lindo boulevard, mas o que impressiona realmente é a arquitetura de seus edifícios, tanto que o local é chamado de Quadrat d’Or (quadrado de ouro). Exemplares do modernismo catalão se encontram no local, como a Casa Mila (la Pedrera) de Gaudi. Há um trecho denominado de ilha da discórdia, onde estão algumas das mais famosas casas modernistas, entre elas a Batlló, também de Gaudi, e a Lleó Morera, do arquiteto Domènich Montaner.

Passeig de Grácia é excelente local para admirar a arquitetura catalã

O título de “ilha da discórdia” deve-se à ausência de unanimidade na eleição da casa mais bonita. Mesmo se você não tiver interesse em visitar o interior dos edifícios (a entrada é paga e pode haver filas), vale parar para admirar sua interessante arquitetura externa, como fizemos.

Percorra sem pressa o longo Passeig de Gracia, observando a bela arquitetura de seus prédios, os postes de luzes, bancos, tudo é muito bonito e assinado por arquitetos que fizeram a história do modernismo catalão.

Se compras de luxo estiverem em seus planos, é um excelente lugar para abastecer as malas. Se não couberem em seu orçamento, dá para admirar as vitrines das lojas de grifes caríssimas, sem pagar nada!

Escultura e detalhe do poste em frente à Casa Mila

 

Melhores atrações de Barcelona –  Dia 4

Barceloneta

barcelona-orla-barceloneta
Passeio de bicicleta é atrativo na orla de Barcelona

Se seu roteiro estiver apertado e você não dispor de um dia para ir às praias mais badaladas ao Sul de Barcelona, contende-se em conhecer a praia urbana mais famosa da cidade: Barceloneta. Não tem nada de muito especial, mas é bem central e como queríamos só dar uma olhadinha na orla, foi a nossa escolha para o banho de mar. Tive a impressão que é frequentada por famílias locais de classe média a média/baixa. Aluga-se cadeira, guarda-sol, etc., mas abrimos nossas toalhas na areia mesmo e mergulhamos no mar, cuja água tem temperatura agradável.

Escultura em forma de peixe e fachada do hotel W chamam atenção na orla

A praia não tem grandes atrativos, mas, enfim, vale a pena para mergulhar no histórico mar mediterrâneo. Aproveite que está na orla, para observar a  enorme escultura metálica em forma de peixe do arquiteto americano Frank O. Gehry, além de algumas construções mais recentes de Barcelona como o luxuoso Hotel Arts e o W, esse último tem uma forma que lembra a vela de um barco.  Há lojas de aluguel de bicicleta em Barceloneta. Se estiver disposto, alugue uma bike e saia pedalando, o que pode render um gostoso passeio pela orla.

 

Bairro Gótico: atração imperdível em Barcelona

bairro-gótico-melhores-atrações-de-barcelona
Bairro gótico é o local de nascimento da cidade

Depois de curtir o mar, prepare-se para andar bastante na parte da tarde, conhecendo o maravilhoso Bairro Gótico, o lugar onde nasceu Barcelona. Há igrejas, praças, museus e muitas construções históricas. Ali também ficam os belos prédios da Prefeitura de Barcelona e o Palácio do Governo da Catalunha, ambos na Praça Sant Jaume.

A concentração de atrações por m2 no Bairro Gótico é tão grande que se não tiver muito tempo, é melhor escolher previamente os lugares que deseja entrar e se deter numa visita mais demorada.

Eu escolhi a belíssima Catedral de Barcelona, que tem sua fachada em estilo gótico.

catedral-gótica-melhores-atrações-de-barcelona
Catedral de Barcelona, em estilo gótico, é atração imperdível

Para visitar todo o interior, incluindo as torres, é preciso pagar um ingresso de cerca de sete euros e estar vestido com roupas apropriadas para local religioso, ou seja, não vá com roupa de praia. Há ambulantes do lado de fora, vendendo cangas que podem servir como complemento de vestimenta para as desavisadas. Das torres (acesso com elevador) pode-se contemplar todo o bairro gótico com a orla de Barcelona em segundo plano.

Detalhes da subida à Torre da Catedral Gótica

Palau de la Música Catalana

 

Palau-musica-barcelona
Palau da Musica Catalanha é considerado Patrimônio Mundial pela Unesco

O magnífico prédio do Palau de La Musica Catalana, declarado Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO, é uma construção lindíssima e muito bem conservada. Você pode fazer uma visita guiada para conhecer o interior e a história do prédio ou optar por assistir um espetáculo no teatro. Nós preferimos ver uma apresentação dos Maestros de La Guitarra no Palau de la Música Catalana.

O espetáculo do quarteto de cordas é inovador, pois mistura a apresentação de composições clássicas com pequenos esquetes de humor, que deixam o show leve e atraente para o público não habituado com música clássica. É uma boa opção para formar novos ouvintes dos clássicos. Os músicos são virtuosos e suas apresentações impecáveis. É bem próximo ao centro, fomos a pé, partindo da Praça Catalunha, onde compramos o ingresso para o espetáculo, num dos estandes turísticos que ficam na Praça. No Palau, você se sente num verdadeiro palácio. Simplesmente fantástico.

Melhores atrações de Barcelona – Dia 5

Montjuic: parque, castelo e fontes mágicas

castelo-montjuic-barcelona
Castelo do século 18 funciona como Museu Militar

O Parque Montjuic é o maior de Barcelona e a depender das atrações visitadas, você pode dedicar uma dia inteiro para ele. A colina de Montjuic  tem 213 m de altura e é a maior área de lazer da cidade, concentrando museus, galerias de artes, casas noturnas.

Do Bondinho, se tem uma bela vista da região do Porto

Subimos a colina pegando um funicular e depois um bondinho. A forma mais econômica de acesso ao parque é o ônibus, mas o passeio de bondinho tem muito mais charme, além de proporcionar uma vista fantástica de Barcelona. Uma dica: pegue o bonde só na ida e desça andando, pois há mirantes no caminho a pé de volta.

No alto da colina, há um castelo construído no século XVIII e lá funciona um museu militar, que estava fechado no dia de nossa visita, por isso vimos apenas as instalações do castelo com seu belo jardim. De lá é possível se ter vistas panorâmicas da cidade que deixam qualquer um de queixo caído. A entrada no Castelo é paga (cerca de cinco euros), mas aos domingos, após às 15h o acesso é gratuito.

Museus

Além do Museu Militar, no Parc Montjuic você pode visitar três museus:

Museu de Arte e Fundação Miró

Fundação Juan Miró – Tem no acervo 217 pinturas e 179 esculturas do artista plástico catalão Juan Miró.

CaixaForum – É o centro cultural e social da instituição financeira catalã  – La Caixa. Funciona num prédio modernista que sediou uma fábrica têxtil, sendo um dos poucos exemplares da arquitetura modernista industrial. Oferece mostras temporárias e tem uma exposição permanente sobre a história de construção e recuperação do edifício.

Museu de Arte Nacional de Catalunha (MNAC) – Este museu fica no imponente Palau Nacional (Palácio Nacional), construído entre 1927 e 1929. Seu acervo contém peças que recontam a arte na Catalunha. Pinturas, esculturas e artes decorativas estão divididas em seções dedicadas a arte românica, gótica, renascentista, barroca. Há também uma sala especial dedicada a Picasso.

Veja qual dos museus se adequa mais ao seu gosto e escolha um para visitar.

Arenas Shopping e Fonte Mágica

Plaza da Espanha e Shopping Arenas estão entre as melhores atrações de Barcelona

Depois do museu, é hora de atravessar a grandiosa Plaza da Espanha, que fica em frente ao Palau Nacional, para visitar o Arenas de Barcelona. Esse shopping foi construído no local onde funcionou uma antiga Plaza de Touros, num minucioso trabalho de recuperação e preservação da fachada original. Se não bastasse a riqueza da construção, possui um terraço com uma bela vista da cidade.

palácio-nacional-melhores-atrações-de-barcelona
o belo edifício do Palácio nacional e suas fontes

Depois de visitar o Arenas Shopping, retorne à Plaza da Espanha. Em frente ao prédio do Palau Nacional há um conjunto de fontes de água onde é realizado um espetáculo gratuito com luzes, cores e sons.  O show da Fonte Mágica se inicia próximo ao por do sol, o que, no verão, só ocorre por volta das 20h. Muitos turistas e jovens se reúnem no local para assistir esse espetáculo, em clima de alegria e paz. Uma excelente forma de terminar seu dia em Montjuic.


Anote

É bom chegar antes do início do show para garantir um local com boa visão. Verifique sempre o calendário, pois o espetáculo não acontece todos os dias e os horários variam de acordo com a estação do ano.


 

Bate-voltas a partir de Barcelona

Tem mais um dia no seu roteiro em Barcelona? Os bate-voltas mais recomendáveis, a partir da cidade são:

– Mosteiro de Montserrat

mosteiro-montserrat-barcelona
Visita ao Mosteiro de Montserrat é um clássico passeio para quem está em Barcelona

A bela montanha com o Mosteiro encravado em seu topo é o bate-volta perfeito para quem está em Barcelona. Clique neste post para saber como é o passeio ao Mosteiro de Montserrat.

– Sitgnes

A cidade de veraneio mais famosa do litoral ao sul de Barcelona é uma excelente opção para quem quer ver praias “mais bonitas” do que as do perímetro urbano da capital. Signes fica a cerca de 50 minutos de Barcelona, tem 11 praias que atendem desde famílias com crianças ao público mais moderninho. Além disso, o centro histórico é charmoso e a orla bem arrumada. É uma boa oportunidade para você mergulhar nas águas azuis do mar mediterrâneo, especialmente no verão. O bate-volta pode ser feito de carro, trem ou ônibus.

 

Dicas para curtir melhores atrações de Barcelona

Temperatura no verão

banho-mar-barceloneta
Alta temperatura no verão garante o banho de mar

Prepare-se para o calor, a temperatura gira em torno de 30º C, mas como a cidade fica à beira mar, a sensação térmica é amenizada. Coloque na mala roupas leves, do tipo que usaria no verão brasileiro.

Onde ficar

praça-catalunha-centro-barcelona
Do nosso hotel, dava para ir caminhando até a Praça Catalunha

Sempre escolho a hospedagem próxima às principais atrações que quero visitar, a fim de evitar deslocamentos urbanos, que tomarão meu tempo de viagem. Se for impraticável essa tática, verifico se há estações de transporte público próximas. Em Barcelona, nos hospedamos no Vueling BCN by Hc, que fica próximo ao centro, numa grande avenida, que corta toda a cidade, chamada Granvia.

Externamente, o prédio é antigo, porém, internamente, o hotel é completamente reformado e tem acomodações com decoração temática e moderninha. O quarto é pequeno, mas deu para acolher bem eu, meu marido e nossa filha. Os móveis são planejados e muito bem distribuídos, o que garante a funcionalidade da habitação.

hotel-vueling-quarto
Acomodações do Vueling atendem bem

O serviço é eficiente e o staff é simpático. Não tivemos problemas com a língua (falam catalão, mas também inglês e espanhol). A internet sem fio é gratuita e funciona muito bem. O Vueling fica muito próximo de uma estação de metrô e caminhando por cerca de 15 minutos se chega à Praça  Catalunha, que é o centro nevrálgico de Barcelona. Fomos para algumas atrações, como ruas de compras e Avenida Las Ramblas, a pé, tranquilamente. Outras vezes, pegamos o metrô ou usamos táxi. Há restaurantes e cafeterias nos arredores. Barcelona é uma cidade que tem vida noturna muito agitada e voltamos à noite para o hotel, com segurança.
Eu gostei do Vueling, mas se tivesse que escolher um outro em Barcelona, optaria por algum que ficasse mais próximo do Passeig de Grácia, que é um lugar mais sofisticado. Ficando mais próximo desta Avenida, você estará ainda melhor localizado.

Transporte

vista-barcelona
Os pontos de interesse turístico estão espalhados em Barcelona

A depender da localização do seu hotel, você poderá fazer muitos passeios a pé, mas as atrações de Barcelona não são concentradas num única área da cidade e, provavelmente, você terá que usar transporte para visitar todos os pontos de interesse.

O transporte público de Barcelona é muito eficiente. A cidade dispõe de um sistema de transporte público integrado, portanto, a mesma passagem pode ser usada para pagar diferentes tipos de transporte, como o bonde, metrô, ônibus, trem e até funicular. O consórcio de transportes  TMB (Transport Metropolitans de Barcelona) opera os meios de transporte mais importantes. Há vários tipos de bilhetes, desde passagens para uma única viagem até tíquetes para uso individual com diferentes durações (por exemplo: 24 horas, 48 horas) ou tíquetes com uma quantidade de bilhetes que pode ser usado por várias pessoas.

Escolha melhor bilhete para suas necessidades

No nosso caso, estávamos num grupo de três, por isso preferimos utilizar o T-10, que dá direito a dez viagens (metrô, ônibus, trens metropolitanos, funicular e bonde), podendo ser compartilhado com mais de um passageiro.

O que é legal é que o bilhete permite que, num prazo de 75 minutos a partir da primeira viagem, seja possível trocar de sistema de transporte. Ou seja, se você for fazer um trajeto que necessite de uso de metrô e ônibus, você pode usar o mesmo bilhete desde que seja no prazo de 75 minutos. Lembre-se que é preciso passar o bilhete pelas máquinas validadoras nos diferentes tipos de transporte. O T-10 também pode ser utilizado para chegar ou sair do aeroporto de Barcelona de trem, mas, neste caso, o bilhete não é válido para o metrô do aeroporto.

Para saber os valores atualizados e os diferentes tipos de tíquetes oferecidos pelo consórcio consulte o site oficial do TMB. A depender do número de viajantes que estarão com você, simule o número de bilhetes que pretende usar e escolha a melhor opção para você ou seu grupo.

Utilizamos táxi em Barcelona no percurso de ida e volta do hotel ao Aeroporto e no trajeto do hotel até a Basílica da Sagrada Família. Considerando o valor das corridas dividido por 3 (número de nosso grupo), o custo ficou bastante razoável.

Compras

fachada-el-corte-inglès-centro-barcelona
Loja de departamento El Corte Inglès no centro de Barcelona

A conversão do real para o euro desestimula compras neste momento. Mas se você não resistir à tentação, seguem algumas dicas: Maramegnum é o pequeno shopping que fica na área do Porto, tem poucas lojas, mas encontramos uma especializada em cosméticos no andar térreo com bons preços.

Na Praça Catalunha e ruas adjacentes, você encontra unidades da grande loja de departamento espanhola El Corte Inglés. Nessas imediações, também ficam lojas amigas do bolso, como H&M, Pull and Bear, Berska. O Passeig de Grácia é o local ideal para comprar produtos de grifes famosas e requintadas. O La Maquinista é o maior shopping da cidade, tem diversas lojas de marcas internacionais, mas fica um pouco distante do circuito turístico, embora o local seja acessível pelo metrô, dando-se uma caminhada de cerca de dez minutos.

barra-separação-texto

Esse texto não contém anúncios ou publicidade. A citação de estabelecimentos visa apenas compartilhar com o leitor a opinião pessoal da autora sobre os serviços experimentados.

Confirme horários e preços nos sites oficiais para a data de sua viagem.

2 comentários em “Melhores atrações de Barcelona

Adicione o seu

  1. Barcelona tornou-se uma das minhas cidades europeias favoritas, da primeira vez que fui em 2009. Quando regressei, cinco anos mais tarde, fiquei com uma visão menos positiva. Sem dúvida que atracções não faltam e a oferta cultural é vasta e rica! Mas acho que é uma cidade totalmente consumida pelo turismo massificado, com cada vez menos autenticidade (um dos casos que mais me recordo é o mercado La Boquería). E enquanto assim for, não tenciono regressar. Também sentiu isto que descrevi nesta visita?

    1. Olá, Miguel! Como só fui uma vez à cidade não tenho como fazer comparativos. Há lugares muito turísticos mesmo, como toda a região das Ramblas, mas gostei muito de passear pelos parques Cidadela, Montijuic, percorrer o bairro gótico e apreciar a arquitetura modernista de Gaudi, que é diferente de tudo que já tinha visto. Também circulei pelo bairro de Gracia, que é bem residencial e tem um comércio mais alternativo. Enfim, o turismo massificado está realmente presente, mas acho que dá para fazer um roteiro bem interessante pela cidade. Obrigada por seu comentário e visita ao blog. Um abraço.

Deixe uma resposta

Powered by WordPress.com. Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: